Projeto Práxis Educacional

Projeto: A Práxis Educacional: educação, subjetividade e cultura.

Público-alvo: Professores/as da UFSC Curitibanos (confira o formulário para participação ao final da página).

Metodologia: Rodas de conversa com os professores/as da UFSC Curitibanos, com estudos de textos, de casos educacionais, exposições temáticas; o que se baseará nas realidades trazidas pelos professores e dos dados colhidos pela assistência ao estudante e pela instituição UFSC.

Cronograma: encontros mensais

Objetivo: Refletir e estudar sobre a práxis – teoria e prática – educacional, produzindo um espaço de partilha sobre as experiências e os desafios dos professores com os estudantes, o ensino, a instituição UFSC e a cultura.

A perspectiva que se propõe para estes encontros é a relação entre educação, subjetividade e cultura. A educação, na sua universalidade, é apreendida como uma mediação para a socialização humana. E justamente por esse fato, trata-se de uma instância mediadora entre as dimensões subjetividade – modo singular de cada sujeito internalizar a objetividade da vida – e cultura. As dimensões sujeito e cultura não se encontram separadas uma da outra, mas estabelecem uma interconstituição, ou seja, a subjetividade constitui a cultura e a cultura constitui a subjetividade, de modo dialético. A partir dessa perspectiva, nesses encontros, buscaremos vencer o falso reducionismo psicologista – no qual o estudante, assim como o professor, é individualmente culpabilizado pelo “fracasso” educacional –, ou o sociologista – em que o estudante, também, o professor, é desresponsabilizado e entendido como um mero receptáculo passivo do meio que o circunda e o constitui.

E renovando o significado etimológico de educação, que provém do latim “educare”, indicando para a experiência na qual o educando é suscitado pelo educador a ir para fora de si, a fazer a travessia da potência ao ato, somos levados a pensar sobre o projeto que temos para a educação, o que implica em por em questão, para além do “academicismo”: para qual projeto civilizatório estamos colaborando?

Conforme o Plano de Desenvolvimento Institucional de 2020-2024, a Universidade Federal de Santa Catarina tem por missão “produzir, sistematizar e socializar o saber filosófico, científico, artístico e tecnológico, ampliando e aprofundando a formação do ser humano para o exercício profissional, a reflexão crítica, a solidariedade nacional e internacional, na perspectiva da construção de uma sociedade justa e democrática e na defesa da qualidade da vida” (p.15).

Assim, convidamos o grupo docente da UFSC Curitibanos para darmos continuidade a esse projeto que perpassará as várias dimensões da educação, como: relação professor-estudante; didática; sofrimento psíquico na Universidade; avaliação; função social da Universidade, dentre outros temas.

Você, professor(a) da UFSC Curitibanos, gostaria de participar desse projeto? Clique no botão abaixo a responda o formulário:

Coordenação: Lucas Emmanoel de Oliveira (psicanalista e psicólogo educacional da UFSC Curitibanos).
Contato: lucas.emmanoel@ufsc.br